A cidadania portuguesa pela via sefardita uniu ainda mais família natalense

0
21

O médico Bruno Medeiros acaba de se tornar cidadão português por meio dos judeus sefarditas. O processo dele na Conservatória foi concluído em tempo recorde: 9 meses. O tempo médio é de um ano e meio. É de se comemorar, pois as futuras gerações do médico potiguar nascerão cidadãos lusos.

O interesse pela descendência sefardita nasceu quando soube que alguns dos seus familiares estavam fazendo o estudo para requerer a cidadania portuguesa. Para Bruno, tornar-se português é mais do que conseguir um passaporte europeu: “Como o governo português chegou ao entendimento de que deveria corrigir o erro histórico de perseguição aos judeus sefarditas, me sinto honrado em poder retornar às minhas origens e conhecer mais sobre meus ascendentes“, conta.

RESPONDA AO FORMULÁRIO DE PRÉ-ANÁLISE GENEALÓGICA!

O processo de cidadania portuguesa pela via sefardita pode levar até dois anos e tem trâmites muito específicos. Por isso, o médico decidiu contratar a Martins Castro Consultoria Internacional: “o processo é trabalhoso e burocrático, mas certamente valeu a pena contar com o trabalho da Martins Castro. Além disso, todo o decurso uniu mais a família e nos mostrou nossas origens e os feitos e desafios dos nossos antepassados.”

Leia outros cases de sucesso da cidadania portuguesa pela via portuguesa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here